segunda-feira, 7 de junho de 2010

Como foi em Campinas!




Um frio de Alasca, imprevistos, atraso e uma platéia animada! E... Kizzy, é claro! Acho que tanto eu quanto Kizzy estávamos ansiosos para nos reencontrarmos, pois faz quase um ano (nossa, como o tempo passa!), que não nos víamos pessoalmente.

A viagem começou com eu e o meu consorte perdidos na saída de São Paulo, confusos com as novas pistas da marginal. Na verdade, esse tipo de coisa só acontece conosco, duas criaturas com o senso de direção nulo... rs. Não sei bem qual é a relação, mas um dia Paulo Ferreira, um amigo meu, redator publicitário, disse que todo escritor/redator que ele conhecia era péssimo com caminhos e direções. Bom, eu e Roberto somos parte dessa estatística!

Chegando lá, fui me preparar, colocando um pretinho básico, pois o carro da organização ia passar às 18 horas. E não é que o carro quebrou na Anhanguera? Mas estava lá o meu super-sogro, seu Roberto, que nos deu uma carona para a Estação Guanabara. E fiquei ainda mais contente ao saber que toda a família de Roberto ia nos assistir. Ia ser um privilégio!

Kizzy já estava lá, lindo com o seu sobretudo negro, e conheci Beth e Daniel da organização. A mesa dos vampiros ia atrasar uma hora, por isso ficamos por lá, conversando. Nesse meio-tempo, o pessoal da TV da Unicamp chegou para colher nossos depoimentos. Eu li um trecho de "Kaori" e Kizzy, do seu conto "Cajita de Cigarrillos" do Território V. E... Lá fomos para o auditório.

Era uma platéia pequena, mas dava para notar que se tratava de leitores realmente interessados pelo tema. De todas as idades, desde os garotões e as meninas adolescentes, famílias inteiras, jovens com cara de estudantes da Unicamp, senhores de cabelos brancos muito sérios. Era um público interessante de se observar de lá, do palco. Acho que foi o mais heterogênero, dentre os que tenho visto nas palestras e bate-papos.

Falamos de vampiros, suas origens, seu sucesso junto ao público, de Crepúsculo (claro!) e também de nossas experiências pessoais dentro da atividade literária. No final, conversei fora do auditório com algumas pessoas que assistiram a mesa e acho que todo mundo se divertiu bastante. Vendi até um exemplar de "Kaori" para um pai, aflito para enviar o livro como presente para a filha, pois o livro não estava à venda no local.

Então, é isso aí, vamps. Agora no sábado tem mais, hein?

São Paulo, Livraria Saraiva do Shopping Paulista, sábado às 16h00. Lançamento do "Meu Amor é Um Vampiro". Estarei lá, junto com as autoras e os organizadores.

Espero vocês!

4 comentários:

Luciana Fátima disse...

Ahhh... que pena que não pude estar lá para ver essas duas personas maravilhosas!

Mas já deu para sentir o gostinho por aqui! Tenho certeza de que foi lindo!!!

E estarei lá no sábado! com certeza!


Darkisses!

Giulia Moon disse...

Luciana, que bom que vai no sábado, querida. Vamos vampirar nesse Dia dos Namorados!
Beigius gelados!

Luna del'Aislin disse...

Oiii
Queria dizer que li recentimente Kaori e A-M-E-I!!!

Queria saber também, se há possibilidade de você vir para o Sul, para a Feira do Livro.

Mil Bjus =***

Giulia Moon disse...

Luna, que bom que gostou de Kaori, querida.
Por enquanto não tenho nada previsto, mas continue ligadinha aqui no blog. Eu sempre aviso sobre os meus eventos aqui!